sábado, 25 de fevereiro de 2017

Minhas impressões - O leão ferido - Mia Sheridan


Terceiro livro da série Signos do Amor. Os primeiros são A voz do arqueiro (aqui) e O coração do leão (aqui).

Esse terceiro livro complementa o segundo, narrando a história de Leo/Jake e o reencontro dele com Evie, sob a perspectiva dele. Intercala a narrativa entre o passado dele, mais especificamente a recuperação dele após um acidente de carro, e o presente, quando ele começa a seguir Evie e tenta conquista-la. Ele se apresenta como um amigo de Leo e diz que ele morreu em um acidente de carro.
Jake faz tudo o que está ao seu alcance para (re)conquistar Evie, após os anos de sumiço. Os leitores tem ciência da situação dele, de porque ele não procurou por ela, e como achou mais fácil mentir a ela que era outra pessoa do que revelar sua verdadeira identidade logo de cara. Mas apesar das boas intenções, uma mentira é sempre uma mentira, e ele sabe que terá que lidar com a verdade e contar a Evie quem ele realmente é, mesmo correndo o risco de perde-la para sempre.
Evie logo cede aos encantos de Jake, e enquanto o jovem casal curte seu romance, duas mulheres querem Jake para si. Lauren, a mãe adotiva de Jake, que é a responsável por grande parte dos problemas psicológicos enfrentados por ele, e Gwen, filha do sócio de seu falecido pai, com quem ele teve um envolvimento, e que está disposta a tudo para te-lo de volta, mesmo ciente de que o coração dele pertence a outra pessoa.

Assim como os dois primeiros livros, esse livro é recheado de descrições de cenas de sexo, que são muito repetitivas, o que tornou a leitura um tanto cansativa. Não sou muito adepta da leitura de livros que mostram o outro lado de uma história que já li, mas como fazia um bom tempo que tinha lido o segundo livro, foi uma forma de revisita-lo sem rele-lo.



Nome: O leão ferido
Autora: Mia Sheridan
Editora: Arqueiro
Sinopse:
Leo se apaixonou por Evie quando os dois ainda eram crianças, no lar adotivo temporário em que viviam. No futuro difícil que parecia guardado para ele, a única certeza de seu coração era que nada jamais o afastaria daquela garota.
Mas, na adolescência, ele foi adotado e teve que se mudar para outra cidade. Durante oito anos eles ficaram afastados contra a vontade e, nesse tempo, Leo precisou superar muitos obstáculos – sobretudo os problemas criados pela mãe adotiva – para se tornar o homem que merecesse Evie e pudesse finalmente buscá-la.
O reencontro, porém, não foi fácil e Leo teve que se esforçar para se reaproximar de Evie, reconquistar seu amor e, com sua ajuda, deixar para trás toda a tristeza de uma infância de abandono.
Em O coração do leão, Evie narrou seu lado desse romance. Agora, em O leão ferido, é a vez de Leo contar tudo o que lhe aconteceu e revelar o desfecho dessa história de amor.
Imagem e sinopse: http://www.editoraarqueiro.com.br/livros/leao-ferido-o/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...