segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Minhas impressões – Harry Potter e as relíquias da morte – J.K. Rowling




Sétimo livro da série Harry Potter, lido para o projeto Lendo Harry Potter, lançado pela Ju, do blog Nuvem Literária (falei sobre ele aqui). Os primeiros são Harry Potter e a pedra filosofal (aqui), Harry Potter e a câmara secreta (aqui), Harry Potter e o prisioneiro de Azkaban (aqui), Harry Potter e o cálice de fogo (aqui), Harry Potter e a Ordem da Fênix (aqui) e Harry Potter e o enigma do príncipe (aqui).

Harry está na casa dos Dursley aguardando as instruções para a saída de todos da casa porque a proteção que há sobre a residência está prestes a acabar, já que Harry completará 17 anos em breve. Seus tios vão primeiro, junto com dois bruxos que os escoltarão em segurança. Um grupo maior chega para escoltar Harry, e eles montam um esquema que não agrada muito a Harry, mas eles partem dessa forma. O grupo é interceptado por Comensais da Morte, que de alguma forma descobriram o esquema da Ordem.

Harry consegue chegar a salvo na casa da família de Rony, mas nem todos do grupo original tem a mesma sorte. Rony, Harry e Hermione planejam sair em busca das Horcruxes de Voldemort logo após o aniversário de 17 anos de Harry e o casamento do irmão de Rony. No dia do aniversário de Harry, o trio de amigos recebe a visita do Ministro da Magia, que vem falar sobre o testamento de Dumbledore e entregar a eles o que lhes foi destinado. Eles não entendem bem o que recebem e porque, mas ficam certo de que o diretor tinha algo em mente com os presentes.
Durante a cerimônia de casamento, eles recebem a notícia de que o Ministro da Magia morreu e de que os Comensais da Morte estão a caminho, uma vez que parte da magia que os protegia acabou junto com o Ministério. Harry, Rony e Hermione fogem para cumprir a missão deixada por Dumbledore, embora não façam ideia do que fazer nem por onde começar.
O trio de amigos muda constantemente de lugar para evitar serem localizados pelos Comensais da Morte, e passam por vários problemas e muita aventuras. Durante as tentativas de cumprir a missão de Dumbledore, eles descobrem coisas importantes que podem auxiliar Voldemort a ser vitorioso, e precisam decidir em que acreditar e o que procurar primeiro. Em vários momentos Harry precisa lidar com as visões que tem da mente de Voldemort, o que o atrapalha e o ajuda na mesma medida. Muitos questionamentos são feitos quanto a conduta de Dumbledore, o que deixa os amigos e vários outros perplexos. Harry, Rony e Hermione tentam se preparar, com as poucas informações confiáveis que tem, para o encontro inevitável e definitivo entre Harry e Voldemort.

Com essa leitura, finalizo a minha participação no Projeto Lendo Harry Potter, e aproveito para agradecer aqui a Juliana Cirqueira, do Nuvem Literária, por ter criado o projeto e incentivado a leitura desses livros. Me surpreendi muito com as histórias e aventuras vividas pelos personagens, realmente são ótimos livros. Agora pretendo assistir aos filmes, para curtir um pouco mais desses bruxinhos que me acompanharam por quase sete meses. Vou esperar ansiosamente para ler o oitavo livro!



Nome: Harry Potter e as relíquias da morte

Autora: J.K. Rowling

Editora: Rocco

Sinopse:

Em Harry Potter e as Relíquias da Morte, o encontro inevitável com Lord Voldemort não pode mais ser adiado. Harry, no entanto, precisa ganhar tempo para encontrar as Horcruxes que ainda estão faltando. E, pelo caminho, descobrir o que são afinal as Relíquias da Morte e como ele pode usá-las contra o Lorde das Trevas. Seguindo as poucas pistas deixadas por Dumbledore, Harry conta apenas com a ajuda dos leais amigos Rony e Hermione. Juntos, eles percorrem lugares nunca visitados, descobrem histórias nebulosas sobre pessoas queridas e acabam por desvendar mistérios que os incomodavam há muito tempo. Enquanto Harry, Rony e Hermione vagam por diferentes lugares em busca de pistas, J. K. Rowling vai revelando aspectos até então desconhecidos sobre os principais personagens. Em sua última e derradeira aventura, Harry não é exposto apenas a batalhas. Ele precisa superar traições, surpresas e, mais do que nunca, aprender a lidar com os próprios sentimentos. Como em todos os livros da série, o amor e a amizade são elementos-chave para a trama. Em Harry Potter e as Relíquias da Morte, J. K. Rowling leva o leitor por uma trilha de suspense, com sustos ininterruptos até a última página, quando entrega, por completo, toda a verdade e conclui os passos de herói de Harry Potter na maior saga bruxa de todos os tempos.

Imagem e sinopse: http://www.rocco.com.br/livro/?cod=284

https://www.facebook.com/NuvemLiteraria/photos/a.161090554083794.1073741828.161056967420486/464864803706366/?type=3

3 comentários:

  1. O oitavo livro é o que acabou de ser lançado, né? Esse vai ser interessante, já que não tem filme ainda.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim. Eu dei uma olhada na versão em inglês, e o formato como peça de teatro acho que não deve ser muito confortável de ler, fica meio confuso.
      Beijos

      Excluir
    2. É sim. Eu dei uma olhada na versão em inglês, e o formato como peça de teatro acho que não deve ser muito confortável de ler, fica meio confuso.
      Beijos

      Excluir

Deixe seu comentário!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...