segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Minhas impressões - A menina da neve - Eowyn Ivey

 http://www.editoranovoconceito.com.br/livros/menina-da-neve-a/

Quando Jack e Mabel se mudaram para o Alasca em 1918, sua intenção era recomeçar a vida longe de tudo e de todos. Eles tiveram um bebê, dez anos antes, que não sobreviveu ao parto, e isso os afetou demais e fez com que as pessoas especulassem sobre a saúde de Mabel e sua capacidade de ter outros filhos. Eles de fato não conseguiram ter outros filhos, e Mabel começou a se incomodar com a presença de outras crianças e mulheres grávidas em eventos sociais. No Alasca, eles tinham a intenção de serem a companhia um do outro, mas começaram a se distanciar, e quando Jack a levou para jantar na casa da família de George Benson, vizinhos de propriedade deles, Mabel foi a contragosto.
Poucos dias depois de visitarem os Benson, Jack e Mabel tem um momento mais descontraído e resolvem fazer um boneco de neve, que eles desenham e vestem como se fosse uma menina. Na manhã seguinte, Jack vê a boneca de neve destruída e o cachecol e luvas vermelhas que Mabel havia colocado nela, desaparecidos. Ele vê uma menina em  meio as árvores da floresta, acompanhada de uma raposa. A menina veste o cachecol e as luvas de Mabel, e Jack não consegue alcança-la. Posteriormente, é Mabel quem vê a menina, e também não consegue chegar mais perto dela, que foge em meio as árvores. Em outra ocasião, ela chama a atenção de Jack, que está tentando caçar, e o leva até um enorme alce, que ele abate para poder passar o inverno tranquilo. Ela some assim que Jack vê o alce. 
A família Benson vai até a cabana de Jack e Mabel, e Mabel resolve perguntar a Esther, esposa de George, se ela sabe sobre alguma menina loira que more na região, mas Esther diz não haver meninas com essa característica por ali. Quando Mabel diz que uma tempestade de neve encobriu as marcas de passos da menina ao redor da cabana, Esther acha muito estranho, pois não tem visto tempestades de neve há algum tempo. Ela desconversa, mas acredita que Mabel esteja tendo alucinações, e Jack não fala nada sobre ter visto a menina também. Durante todo o inverno, e somente nessa estação, a garota some e aparece, deixando Jack e Mabel intrigados e cada vez mais apegados a ela. A menina conta a eles que seu nome é Faina. 
Muito tempo depois, em uma das visitas de inverno de Faina, George e Esther  Benson aparecem na cabana de Jack e Mabel junto com Garrett, e finalmente veem a menina. A partir daí começa um novo ritmo de visitas e de interação entre todos, e o desfecho é bem inesperado. 
Eu me interessei por essa história logo que vi as chamadas da Novo Conceito sobre ela, mas a princípio imaginava que se tratasse de uma história de suspense, e fiquei surpresa por ser na verdade um drama com elementos de fantasia. A história é bonita e bem leve. Gostei! 

************************************* 

Nome: A menina da neve 
Autora: Eowyn Ivey 
Editora: Novo Conceito 
Sinopse: 
Alasca, 1920: Um lugar especialmente difícil para os recém-chegados Jack e Mabel. Sem filhos, eles estão se afastando um do outro cada vez mais ele, no duro trabalho da fazenda, ela, se perdendo na solidão e no desespero. Em um dos raros momentos juntos durante a primeira nevasca da temporada, eles fazem uma criança de neve. Na manhã seguinte, ela simplesmente desaparece. Jack e Mabel avistam uma menina loira correndo por entre as árvores, mas a criança não é comum. Ela caça com uma raposa-vermelha ao lado e, de alguma forma, consegue sobreviver sozinha no rigoroso inverno do Alasca. Enquanto o casal se esforça para entendê-la uma criança que poderia ter saído das páginas de um conto de fadas , eles começam a amá-la como se ela fosse filha deles. No entanto, nesse lugar bonito e sombrio, as coisas raramente são como aparentam ser, e o que aprendem sobre essa misteriosa menina vai transformar a vida de todos eles. 
http://www.editoranovoconceito.com.br/livros/menina-da-neve-a/

2 comentários:

  1. Que história interessante. Até sua resenha (no início) me levou a crer que era suspense.
    Dá pra ler rapidinho?

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu levei uns 5 dias para ler. Eu diria que é bem mais drama que suspense.

      Excluir

Deixe seu comentário!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...